quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Ele não está tão a fim de vc

Alguém aí já viu esse filme??

Eu vi no cinema mas lembro que não gostei. Desde então eu ficava surpresa quando alguma amiga me dizia que tinha "adorado" o filme...

Resolvi tirar a prova ontem e encarei o filme de novo... Resultado?? Gostei dessa vez! rsrs

Fiquei pensando e cheguei a uma conclusão: na época em que eu vi esse filme eu estava curtindo uma recente decepção amorosa e não consegui me empolgar com a análise nua e crua de que se um homem está afim de vc não há dúvidas de que vc vai saber! Acho que durante um certo tempo na minha vida eu fui parecida com a personagem principal, analisando sinais e interpretando mancadas como "ele tem medo de se relacionar", " ele já sofreu muito", "ele gosta MAS..." sempre tinha um MAS para compensar certos comportamentos que hoje eu vejo como nada mais do que escrotos!!!

Não tenho mais paciência para homem que não liga, que não se mostra disponível ou que não se importa comigo... Não perco mais meu tempo desculpando o que não tem desculpa... Respeito e amizade... SEMPRE!!

5 comentários:

Patrícia disse...

Uma vez li, não lembro se foi no livro homônimo ao filme ou se foi em algum outro canto que comentava sobre esse filme (ou sobre o livro, não lembro), mas que dizia que não era porque ele tava muito ocupado, ou porque não tinha paciência pra telefone, ou porque a avó estava doente, ele simplesmente não está a fim de vc, então, procure quem esteja. ;)
No fundo, nós mulheres sabemos disso, mas por que então inventamos desculpas pra nós mesmas qd não queremos acreditar no óbvio???

***GrAzI disse...

Tenho a teoria de que essa nossa tendência a não perceber o óbvio está ligada a nossa baixa auto-estima. Quanto mais eu me amo menores são as chances de eu aceitar alguém que não goste de mim como eu sei que mereço (e como me permito ser amada!) Agora se eu me amo só "meia-boca" com certeza estarei em um relacionamento "meia-boca" no qual eu não sou valorizada, podendo ser enganada e sofrendo ao lado do telefone que insiste em não tocar! A gente acaba aceitando por achar que não merecemos mais... e isso traz conseqüências bem desastrosas!

Neo disse...

Acho que não estou preparado para filmes com este tipo de título... brincadeirinha.
Passando novamente aqui.

Neo
Todos os Sentidos

Ieda disse...

Grazi,
Eu já assisti e até escrevi um post sobre ano passado.
Eu gostei! Mas com certeza não é um bom filme para assistir quando se está curtindo uma decepção amorosa !
Bjs,
Ieda

***GrAzI disse...

Neo: então é melhor não ver mesmo! rs... Verdades podem surgir à tona!

Ieda: vou lá ver no seu blog Ieda!! ;)